SORRISOS

SORRISOS (Autoria: SÔNIA MOURA)

Acho que o sorriso de uma criança é inigualável, nos faz rir e sempre nos comove, enquanto o sorriso dos jovens espalha sonhos e, com os seus risos, os velhos fazem as dores se calarem e as esperanças se renovarem.

O sorriso das crianças, dos velhos ou dos jovens é recheio e cobertura, é o doce do doce, é o sal da salada da vida, é remédio que cura qualquer ferida.

De lábios e bocas, os sorrisos saem como buquês de rosas oravalhadas como se o céu descesse à terra e nos convidasse para dançar.

No momento do sorriso, os deuses brincalhões (e até os mais sérios) vêm à terra e se misturam aos mortais para se contaminarem com a alegria, que exala de seus sorrisos.

E, no sorriso, este pomar cheio de frutas docinhas, nos encontramos e permitimos que a vida siga seu rumo com mais sabor e alegria.

SORRISOS

Escrito por

Sônia Moura

SÔNIA MOURA é Doutora em Letras (Literatura Comparada), Mestra em Letras (Literatura Brasileira), Pesquisadora na área da Simbologia, Professora de Língua Portuguesa e de Literatura Brasileira e Produtora Cultural.

No centro de suas atividades, está sua parceira inseparável: a arte, coordenando suas múltiplas vozes e os misteriosos momentos da sua criação.