ENCONTROS (Autoria Sônia Moura)

Será um sonho ou é esta emoção
Que me faz sentir
Tua presença em mim
Convidando-me a
Seguirmos juntos, de mãos dadas
Como pássaros libertos a voar por aí

Será um sonho ou é o meu desejo
Que, no silêncio da noite enluarada,
Mostra-me que sou criança perdida,
A brincar no meio da roda da alegria
Enquanto você ri da brisa do amor
Que está a morar em mim
Sem querer partir

Será um sonho ou é minha verdade
Que acaba por se descobrir
E entoa o meu canto
Que estava guardado num canto
Á espera do amor que está por vir
O amor que eu espalhei ao longo da estrada
Que sozinha eu construí

Será um sonho ou são minhas visões
Que fazem aparecer em múltiplas janelas
Um mar banhando mil mistérios
E a despejar teu eco sobre mim

Enquanto isto, ao me encontrar em ti
Jogo fora todos os meus receios de amar,
E me esbaldo na liberdade deste mar

Pesco o amor no meio do oceano
E, a partir daí,
Desvio-me todo e qualquer perigo
Depois, faço numa fenda do mar o meu abrigo
Na sanidade dos amantes loucos busco o teu retrato,
Mas o que vejo é o reflexo de minh`alma no espelho d`água

Neste instante, calam-se as vozes dos sete mares
E eu entoo uma canção antiga
Então, teu corpo vem pra junto ao meu
E eu, finalmente, me encontro comigo

Do Livro POEMAS EM TRÂNSITO de Sônia Moura)

aMOR, AMOR, AMOR

Escrito por

Sônia Moura

SÔNIA MOURA é Doutora em Letras (Literatura Comparada), Mestra em Letras (Literatura Brasileira), Pesquisadora na área da Simbologia, Professora de Língua Portuguesa e de Literatura Brasileira e Produtora Cultural.

No centro de suas atividades, está sua parceira inseparável: a arte, coordenando suas múltiplas vozes e os misteriosos momentos da sua criação.