Site oficial da escritora Sônia Moura

Livros Poesias

In vino veritas

  Narrando uma história incerta Para validar uma certa história Ou quem sabe, uma história certa, O poeta reduplica o real Não separa o bem do mal Bota tudo no mesmo balaio Dá destaque à fantasia Porque a fantasia compensa O abandono e o tédio E não há outro remédio A não ser fantasiar E …

Livros Poesias

CONVERSA INTERIOR

  -Uai, moço, aqui num tem nada não, Só esse riozinho, Esse pomar fresquinho, Esses lindos passarinhos, Esses jardins floridos, Esse céu tão colorido, Esse sossego de amigo   – Uai, moço, acho que este é que é Aquele lugar tão “bão”, Pra qualquer um viver Basta apenas nós querer E ele assim vai ser …

Mensagens

AS BRUXAS ESTÃO SOLTAS (por Sônia Moura)

Hoje é dia das Bruxas, aquelas mulheres sábias, independentes e fortes. Muitas foram queimadas em fogueiras, outras sobreviveram à barbárie religiosa e machista. Por que tanto medo dessas mulheres “sobreviventes” aquelas que não morriam aos 20 ou, no máximo, aos 30 anos? Porque as mais velhas eram sempre as preferidas dos inquisidores e as mais …

Livros Poesias

À FLOR DA PELE

Sobraram raízes Daquela paixão Em forma de voz, Em forma de tom Do som do seu riso, Da falta de siso Nasceram frutos Com gosto de orvalho E troncos tão fortes Mas galhos tão frágeis Que isolaram a razão, Violaram a emoção Criaram espaços sombrios Invadiram meus poros Trouxeram arrepio Deixaram  minh´alma À flor da …

Mensagens

VERBAL E PROFESSORAL

Professor: Luta Labuta Chora Ri Enfrenta Aguenta Lamenta (às vezes) Aprende Ensina Fascina Encanta Planta Colhe Espera Deseja E por fim Veja: De verso em verso De palavra em palavra Na terra, O saber lavra Retira travas e Abre caminhos Para o bem viver  

Ideias Livros Poesias

SIM & NÃO

Travaram  meus sentimentos Trancaram o meu coração Tiraram o meu passe livre Trocaram meu sim por não   Meus dias vivem em trevas Machucaram a minha paixão Mandaram meu sonho embora Mudaram meu sim pra não   Escrevendo estas trovas Acalmo a desilusão Retirei travas da alma Entendi o sim e o não   (Da …

Contos Livros

SEM AMANHÃ?

Esmeralda disse à Sofia que tinha certeza de que tudo estava acabado, não havia mais esperança, uma pena, pensou ela, porque ainda havia muito amor. A manhã se prenunciara entre nuvens, mas um sol tímido começava a despertar, e, enquanto as ondas mexiam as areias, a saudade remexia os pensamentos de Esmeralda. Sentada na bela …